Os recursos disponíveis para utilização no âmbito do PDTSI são disponibilizados de entre os recursos afectos ao Departamento de Sistemas de Informação e ao centro de I&D Algoritmi e ainda diversos recursos partilhados existentes nos campi da Universidade do Minho.

Espaços e laboratórios

A componente lectiva do PDTSI não exige condições especiais. São de considerar necessidades de espaço para a realização de reuniões de pequenos grupos ou de workshops. Espaços para estes fins estão disponíveis quer a nível do DSI (1 auditório; 3 salas de reuniões), quer a nível dos espaços pedagógicos partilhados, existentes na Universidade do Minho (anfiteatros, salas de aulas e de reuniões). Estes espaços ou estão já equipados com meios de projecção e de comunicação (por exemplo vídeo-conferência) ou tais meios podem ser solicitados.

A leccionação de unidades curriculares poderá, ocasionalmente, exigir laboratórios pedagógicos equipados com meios computacionais ou outros equipamentos informáticos. O DSI dispõe para o efeito 6 laboratórios pedagógicos equipados com meios informáticos diversos.

Ler mais

Meios computacionais e de comunicação

Os estudantes de doutoramento podem dispor de uma infra-estrutura computacional assente num conjunto de servidores que permite disponibilizar um conjunto de meios e serviços tais como: acesso à Internet e rede eduroam, FTP e SOCKS; serviço de e-mail; zonas de storage; Web Housing e publishing; Intranet; eLearning.

Para além do software existente, inventariado na lista abaixo, software específico para algum projecto poderá ser adquirido.

Ler mais

Outros equipamentos

Está ainda disponível diverso equipamento adequado à realização de recolhas e tratamento de dados associadas a entrevistas e outras formas de estudos de campo: câmaras de filmar; gravadores de som; software de tratamento estatístico de dados e de análise de conteúdos (já acima referido).

Outros meios

Alguns dos trabalhos de doutoramento enquadram-se em projectos financiados a nível nacional ou europeu, obtendo por essa via outros meios que eventualmente possam ser necessários. Os estudantes do PDTSI podem também recorrer a outros serviços e recursos disponíveis na Universidade do Minho para uso no âmbito dos seus projectos de ensino. De entre tais serviços destacam-se os que são fornecidos através dos Serviços de Documentação e dos Serviços de Comunicações da Universidade do Minho (SCOM).

Serviços de Documentação da Universidade do Minho (SDUM)

A Universidade do Minho dispõe de um conjunto de espaços para bibliotecas (caracterizados na tabela abaixo), dos quais se destaca a Biblioteca Geral da UM (BGUM; 4000 m2 e 354 lugares de leitura) em Braga e a Biblioteca do Pólo de Guimarães (BPG; 1285 m2 e 250 lugares de leitura).

As bibliotecas funcionam em regime de livre acesso às estantes e estão abertas a todos os docentes, investigadores, estudantes e funcionários da Universidade do Minho. Arquivos, bibliotecas e serviços de documentação e/ou informação nacionais também podem utilizar as bibliotecas da Universidade do Minho, desde que celebrem os respectivos contratos de colaboração. Pessoas exteriores à Universidade poderão também utilizar a biblioteca mediante a emissão pelos Serviços de Documentação de cartão apropriado.

A BGUM possui um fundo bibliográfico que abrange todas as áreas do saber, organizado tematicamente, segundo a Classificação Decimal Universal (CDU). O fundo documental é composto por diversos tipos de documentos, nomeadamente, monografias, publicações periódicas, obras de referência e documentos audiovisuais. A BPG (pólo de Guimarães) cobre em especial todas as áreas da Engenharia, História das Populações, Geografia e Arquitectura. As bibliotecas possuem ainda um fundo especial, o qual reúne todas as publicações dos docentes, investigadores e funcionários da Universidade do Minho. Dada a sua natureza, encontra-se sujeito a restrições especiais de leitura.

Os Serviços de Documentação gerem um conjunto de serviços de pesquisa de informação, indispensáveis ao suporte às actividades de investigação, ensino e aprendizagem, a saber:

Ler mais

Bases de dados de Revistas científicas

ACM (American Computer Machinery) – Acesso às revistas da ACM Digital Library.
ACS (American Chemical Society) – Acesso às mais de 30 revistas da ACS, com cobertura temporal variável.
AIP (American Institute of Physics) – Acesso a cerca de 15 revistas da AIP, desde 2000.
Annual Reviews – Acesso a cerca de 32 revistas de síntese de literatura científica, desde 1996.
Elsevier – Acesso a mais de 1800 revistas da Elsevier (via ScienceDirect), desde 1995.
IEE/IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers) – Acesso (via IEEEXplore), a todas as publicações do IEEE (Journals & Magazines, Conference Proceedings e Current Standards), desde 1988. Revistas seleccionadas com acesso adicional desde 1950 a 1987.
IoP (Institute of Physics Journals) – Acesso às mais de 30 revistas do IoP, desde 1995.
RSC (Royal Society of Chemistry) – Acesso a cerca de 20 revistas da RSC, com cobertura temporal variável.
SIAM (Society for Industrial and Applied Mathematics) – Acesso às 13 revistas da SIAM, desde 1997.
Springer – Acesso (via SpringerLink) a mais de 1100 revistas, desde 1997.
Taylor & Francis – Acesso a mais de 1000 revistas da T&F, com cobertura temporal variável.
Wiley – Acesso (via Wiley Interscience) a mais de 500 revistas, desde 1997.

Ler mais

Rede Wi-Fi

A Universidade do Minho, disponibiliza a toda a sua comunidade académica, uma infra-estrutura de comunicações sem fios, constituída por diferentes Wireless LAN´s (WLAN) instaladas nos Campi de Gualtar e de Azurém, bem como nas instalações do Largo do Paço, e outros espaços de permanência dos alunos, como a Associação e Residências Académicas. Esta rede é suportada por equipamentos compatíveis com a recente norma IEEE 802.11g, que suporta débitos até 54 Mbps, mantendo a compatibilidade com os equipamentos da anterior norma 802.11b.
Em praticamente todos os espaços públicos dos campi da Universidade do Minho, é possível, com recurso a um PC portátil, equipado com uma placa de rede Wi-Fi, aceder a um conjunto variado de serviços e conteúdos Web disponibilizados pela Universidade do Minho, bem como o acesso a serviços externos através da Internet. A implementação desta rede Wi-Fi, está conforme os requisitos de segurança, autenticação, confidencialidade e mobilidade nacional definidos pela UMIC/FCCN para as instituições participantes na iniciativa e-U. Qualquer utilizador da Universidade do Minho em visita a outra instituição de ensino superior aderente ao e-U, deverá ter acesso à rede Wi-Fi local, mantendo os privilégios de acesso que lhe são disponibilizados na Universidade do Minho. Da mesma forma, qualquer utilizador de outra instituição do ensino superior aderente ao e-U, em visita à Universidade do Minho verá assegurado o seu acesso à rede Wi-Fi local, com o mesmo nível de privilégios que dispõe na sua instituição de origem.

Serviços Electrónicos

Na vertente de Serviços Electrónicos da iniciativa e-U, a Universidade do Minho implementa um conjunto de serviços, dirigidos aos membros da sua comunidade académica, disponibilizados através do portal da universidade, e dos quais se destacam os seguintes (para além dos já referidos, disponibilizados via os Serviços de Documentação):

Serviços Académicos on-line
Intranet – Serviço de Gestão Administrativa (Docentes e funcionários)
Serviços de Acção Social on-line
Associação Académica on-line
Plataforma p2p de partilha de conhecimento
Acesso a projectores multimédia através de rede Wi-Fi e-U
Serviço de videoconferência
Outras informações sobre os Serviços de Comunicações da Universidade o Minho estão disponíveis em www.scom.uminho.pt